fbpx

O preço do ERP da TOTVS é realmente muito caro ?

Como muitos já sabem, a TOTVS é a maior empresa de tecnologia do Brasil e mais de 30.000 empresas produzem informações, controlam a gestão e automatizam processos através dos seus softwares.

Scala Laticínios, Multilaser, Samsung, Burger King, Fini, Therezópolis, King Star e Record são apenas alguns dos nomes que têm seus dados processados através do fluig, Protheus e / ou outras soluções da marca.

Essa carteira invejável de clientes fez com que a empresa desenvolvesse uma fama no mercado e acabou gerando um mito muito disseminado por aí: o ERP da TOTVS é muito caro e só cabe em grandes empresas.

Nesse artigo vou apresentar alguns argumentos que vão contra essa visão e mostrar maneiras de realizar uma implantação compatível com o orçamento disponível. 

 

Aquisição de módulos específicos

O primeiro ponto que podemos discutir e que está diretamente ligado aos custos de implantação / manutenção do software é o número de módulos ou funcionalidades utilizadas.

O Protheus, por exemplo, possui algo próximo de 70 módulos que são responsáveis desde o controle financeiro até chão de fábrica.

O que talvez você não saiba é que existe a possibilidade de contratar apenas os módulos que serão efetivamente utilizados no seu dia a dia e pagar o valor proporcional à aquisição.

Normalmente, uma implantação padrão envolve o quarteto essencial para a maioria das empresas: Financeiro, Faturamento, Estoque, Compras.

Conforme sua operação cresce e surge novas exigências, é possível ir adicionando novas funcionalidades, por exemplo: Contabilidade Gerencial, Automação Fiscal, Gestão de Projetos, Planejamento e Controle de Produção, Call Center etc.

Quando sua empresa contrata softwares limitados e sua operação expande, começam a surgir limitações por falta de funcionalidades, adequação e atualização. No fim, você precisa trocar de fornecedor para atender suas novas demandas.

Por isso, dizemos que um ERP flexível e robusto cresce junto com sua empresa. Contratar uma solução escalável logo no início pode ser um ótimo investimento e evitar custos desnecessários.

 

Quanto vale sair na frente da concorrência ?

Com certeza você já assistiu algum documentário, leu um case ou ouviu falar dos termos “Inteligência Artificial”, “Inteligência Empresarial”, “Internet das Coisas”, “Transformação Digital”, “Indústria 4.0” e alguns outros … 

São conceitos que estão presentes e fazem toda a diferença no dia a dia das maiores e mais inovadoras empresas, mas que ao mesmo tempo estão cada vez mais acessíveis para os empreendimentos menores.

A grande sacada é fazer o uso daquelas que são mais aderentes com a sua operação e se conectam entre si para potencializar os resultados.

E aí entra o potencial que a TOTVS tem. Como líder no mercado da América Latina, a empresa conta com soluções que foram desenvolvidas para se complementarem.

Muitas pessoas chamam o ERP Protheus de “sistema da TOTVS” ou algo parecido. Mas algumas não sabem que essa é apenas uma das possibilidades existentes entre os produtos da marca.

Hoje, o Protheus pode ser potencializado através de outros softwares de inteligência artificial, gerenciamento de clientes, análise de dados e gestão de indicadores, automação de processos, controle de documentos, plataformas educacionais, lojas virtuais, comunicação corporativa, gestão de identidades, desenvolvimento de apps sem uso de programação, aplicativos móveis de gestão, criação de formulários, sites e, por incrível que pareça, muitos outros…

Tudo isso permite uma otimização completa da sua operação com um único objetivo: promover excelência operacional para ser mais eficiente e competitivo.

Segundo pesquisas publicadas na Exame em 2008, empresas que investem em TI crescem nove vezes mais do que suas concorrentes, geram mais empregos e impactam positivamente a sociedade.

 

Você provavelmente não está investindo tanto quanto parece

Alguns estudos de mercado mostram que as PMEs investem em média 3% do faturamento em TI. Dessas empresas, uma parcela considerável investe algo em torno de 1%. Isso inclui não apenas software, mas também hardware, internet, funcionários etc.

Enquanto isso, nas médias e grandes corporações, esse número chega a valores próximos de 8% do faturamento.

A previsão é que os gastos na área de TI continuem aumentando em taxas próximas a 3% ao ano.

Ok, agora vamos parar de falar dos números e começar a interpretá-los.

A tecnologia está avançando e as empresas estão investindo cada vez mais. As que optam por aumentar seu investimento em TI de forma inteligente, crescem mais do que as concorrentes.

Então por que considerar a aquisição de softwares um custo e não um investimento ? Não faz sentido !

Se você faz parte da parcela que investe menos de 3% do faturamento em inovação e automação, procure fazer uma análise cuidadosa desse cenário. 

É claro que nem todo o dinheiro colocado no departamento de tecnologia gera retorno. Mas isso também pode ser fruto da falta de profissionais qualificados (que custam mais caro) para te auxiliar nas melhores escolhas.

 

Cuidados na contratação de uma consultoria

Como dissemos, o Protheus possui milhares de possibilidades e rotinas.

Não é a toa que existe uma profissão totalmente dedicada para conhecer e saber como aplicar essa tecnologia nas empresas: o consultor Protheus.

Mas, assim como qualquer produto ou serviço, existem valores para atender a diferentes públicos.

Um profissional que estudou mais, se dedicou mais, passou mais horas aprendendo, colocou em prática, testou diferentes possibilidades, gerou cases de sucesso e desenvolveu experiência para determinar as melhores opções, não vai trabalhar pelo mesmo preço de alguém que está começando. E isso é completamente normal em qualquer mercado.

Obviamente, um preço maior não é nenhuma garantia de resultados. Nem tudo que custa mais é melhor. Mas muitos fracassos em projetos poderiam ser evitados se houvesse maior investimento em uma equipe mais qualificada.

Ao escolher uma consultoria, procure saber quais clientes essa empresa já atendeu, quais foram os resultados gerados, veja depoimentos e evite comparar apenas o preço.

Uma prestação de serviço NUNCA é igual a outra. E você deve avaliar todos os fatores, sendo o preço apenas um deles.

 

ERP por assinatura: economia com hardware, licenças e prestação de serviços

O uso do ERP em nuvem vem crescendo bastante e muitas empresas já perceberam que essa pode ser uma forma de reduzir custos.

É claro que esse modelo também tem suas desvantagens, mas o foco desse artigo é falar sobre gastos.

Vou mostrar algumas considerações feitas pela própria TOTVS sobre os benefícios de contratar um ERP por assinatura na nuvem:

 

Estrutura e Escalabilidade

Para começar, avalie todos os gastos que você tem ou teria para manter o ERP on-premise (no servidor local). 

Inclua: licenças, hardware, equipe técnica, softwares de apoio (banco de dados, antivírus, backup etc.), manutenção, tudo que for necessário para manter o ERP funcional.

Compare esse valor com o da assinatura mensal, levando em conta alguns meses ou anos de projeção.

Além disso, lembre-se de considerar a expectativa de crescimento. Se o cenário é otimista e você acredita em uma expansão da sua empresa, não se esqueça que precisará de uma estrutura compatível para armazenar mais dados, gerenciar mais usuários e processar mais informações.

Em resumo: você precisará adquirir mais hardware e contratar uma equipe técnica para estruturá-los. Já na nuvem, basta adquirir um novo pacote quando necessário.

 

Implantação

Se você ainda não possui o ERP, compare o custo de implantação nas duas modalidades.

Normalmente, a implantação do ERP por assinatura da TOTVS é mais rápida e tem custos reduzidos, porque a empresa conta com modelos pré-formatados que agilizam o processo.

 

Mobilidade e Segurança

Coloque na balança o quanto você perde em produtividade por não poder acessar o seu sistema de qualquer lugar, já que precisa estar conectado na rede da empresa ao usar o modelo on-premise (cenário que não aconteceria com um software na nuvem).

Avalie também os gastos com segurança que são necessários para proteger seus dados e garantir que seu servidor não seja atingido por ataques ou perdas de informação.

 

Conclusão

Cuidado com os mitos do mercado e tente não se basear apenas nos casos que deram errado.

O objetivo aqui não é tentar convencer de que o sistema se encaixa em todo e qualquer negócio, segmento ou orçamento, mas sim trazer uma outra visão sobre alguns fatos que são desconhecidos ou pouco discutidos.

Se tiver alguma dúvida ou quiser saber mais sobre os nossos serviços de consultoria, entre em contato.

Quer ganhar uma análise completa dos processos administrativos e operacionais do seu negócio ?

 Nosso time de especialistas está à disposição para entender tudo sobre sua operação e propor melhorias sem compromisso

Gostou do artigo ?

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Compartilhe no Twitter
Share on linkedin
Compartilhe no LinkedIn

Deixe seu comentário

×